Dois anos de blog, vários artigos, muitas visitas e valiosos feedbacks

Boa Noite Pessoal,

Hoje fazem exatamente dois anos que iniciei os trabalhos com um blog oficial. Em 13/07/2008, eu estava fazendo minha primeira postagem "A figura do administrador de banco de dados (DBA)" que era uma melhoria da minha primeiro postagem no Plugmasters. A idéia de publicar artigos surgiu de forma a complementar minha participação nos fóruns e a atuação como instrutor oficial MCT. Quando comecei a atuação no fórum era muito comum uma dúvida se repetir com muita frequência (não canso de ver os logs que cresceram demais, as conexões que dão pau, etc). Em diversas situações, eu acabava repetindo a explicação mudando algumas palavras e aperfeiçoando-a, mas nunca ficava boa, pois, dá uma certa preguiça digitar novamente a "mesma" coisa. A mesma coisa que acontecia nos fóruns acontecia nas aulas. Em um curso como o 2780 ou o 6231, era muito comum nos capítulos de Disaster Recovery eu passar boa parte da aula desenhando a estrutura do log de transações, seus LSNs e porque não devemos truncar o log.

Essa idéia de ineficiência começou a me incomodar. Afinal será que era realmente necessário "repetir" para cada vez que uma dúvida ou uma aula aparecessem ? Eu nunca tinha tido um blog, página ou algo do tipo e comecei a perceber que seria realmente um bom cartão de visitas falar algo do tipo "Procure no meu blog que há uma explicação detalhada sobre esse assunto". Sim, sem dúvida uma frase dessas valeria pontos extras em uma entrevista de emprego, em uma atividade de consultoria e certamente na avaliação dos alunos após terminar um curso.

Tendo essa idéia em mente, comecei então a publicar alguns artigos no Plugmasters. O objetivo dos artigos era complementar os MOCs para que minhas aulas ficassem mais didáticas. Não tenho nada contra os cursos oficiais, mas o fato de não haver "regionalização", acaba tornando-os complicados em algumas vezes e para evitar esses momentos, comecei com artigo simples como Planos de Manutenção, Geração de Scripts, DAC, etc. Posteriormente evoluí um pouco para outros assuntos como modelagem e XML.

A idéia de ter um artigo meu publicado na internet e de fácil referência era boa. "Está com dúvida em XML ? Tenho uns artigos bons sobre esse assunto. Quer saber sobre hierarquias ? Tem um monte de alternativas minhas publicadas…". Alguns comentários como "Parabéns pelo Artigo, uma verdadeira aula. hehe", "Um dos melhores artigos que já encontrei na internet", "Ajudou-me bastante ter o entendimento do assunto", "Muito bom aprendi muita coisa", são realmente muito gratificantes. Embora nem tudo fossem flores sempre ("Poderia ser mas expecífico, não contém informações completas… As informações contidas não são o suficiente"), de uma forma geral, o Plugmasters me ajudou bastante a melhorar os artigos técnicos e ajudar no fórum e complementar minhas aulas como MCT. Só havia um pequeno problema… Eu não podia falar que o site era meu. Limitava-me a dizer "o meu artigo", mas nunca "o meu site", "a minha página", "o meu blog".

A idéia de algo "meu" começou a me interessar. Do que adiantaria fazer ótimos artigos para um site que não tem identificação direta com o SQL Server ? Alguns achariam, alguns comentariam, mas nunca seria "referência". Também comecei a sentir falta de poder personalizar as coisas ao meu modo além do que cada artigo postado necessitava de uma aprovação prévia. O título de MVP também era uma ambição e poder dizer "tenho um blog dedicado a SQL Server" certamente contaria pontos para obtê-lo. Entrei no fórum em dezembro de 2007, mas no meio de 2008 além do enorme fluxo de dúvidas dos fóruns, minha caixa de e-mails estava lotada de dúvidas de SQL Server. Quando tudo isso juntou, aí sim senti falta de ter algo próprio e por fim decidi fazer montar meu próprio blog.

Criar um blog é algo muito fácil. Há várias ofertas e com apenas alguns cliques o blog está criado. A grande dificuldade é atualizá-lo, manter artigos de qualidade e fazer com as pessos visitem e indiquem o blog. Não basta ter conhecimento. É preciso ter disposição, didática, tempo, etc (é bem mais difícil que criar com certeza). Logo nos primeiros meses houve muitos acessos por conta das assinaturas dos feeds rss (havia dia com mais 100 visitas diárias e isso era muito bom). Entretanto como fazer para que a taxa continuasse crescente ? O que um blog deve ter para ser interessante ? Se eu observar os vários blogs de SQL Server hoje é complicado competir, pois, há muitos colunistas de qualidade e eu precisava bolar uma estratégia para mantê-lo "interessante".

A primeira coisa que pensei era em procurar algo que os demais blogs não tivessem ou não oferecessem na quantidade que o usuário gostaria. Claro que isso é algo muito difícil (senão impossível), mas alguns pontos poderiam ser explorados. Se eu observar os blogs de alguns papas do SQL Server como o Paul Randal, Kalen Delaney, Pinal Dave, Kimberly Trip, é realmente muito difícil competir. Não preciso ir tão longe. Basta olhar os artigos de tuning do Fabiano Neves Amorim, os artigos de Internals do Luti (ex MS) ou o portal MCDBA Brasil do Nilton Pinheiro para citar apenas alguns dos excelentes nomes no cenário nacional. Bem, como tantos nomes fortes resolvi adotar algumas premissas (quase sempre seguidas) que grandes nomes já usam:

  • Praticidade: Todos os artigos tem que ter um "quê" prático, ou seja, devem ser diretamente aplicáveis ao dia. Gosto de alguns devaneios, mas escrever algo em que não possa ter pelo menos um único script não é uma coisa que me agrada. Por isso não me interesso muito em publicar artigos relacionados a SQLOS, as "várias" áreas de memória do SQL Server ou ainda qual a diferença entre um lock e um latch. Não que não sejam importantes ou desinteressantes (muito pelo contrário), mas deixo essa tarefa para os livros mais aprofundados.
  • Riqueza de detalhes: É muito simples responder que o uso do CLR pode proporcionar o acesso a arquivos, que o backup de filegroup pode ser realizado (e restaurado) ou que as DMVs podem ajudar a resolver problemas de bloqueios no SQL Server. Sim, com certeza isso é verdade, mas será que apenas "falando" é possível que alguém que não conheça esses recursos consiga sair do outro lado ? Na maioria das vezes a resposta é não. Quando escrevo algum procedimento, posso demorar nas explicações e na quantidade de scripts, mas tenho como objetivo que qualquer pessoa que leia um artigo consiga fazer por si própria sem dúvidas ou ambiguidades.
  • Originalidade: Não tenho por hábito efetuar cópias de outros materiais como o help do SQL Server, livros, códigos ou artigos de outras pessoas. Não sei tudo de SQL Server (muito longe disso), mas ao invés de simplesmente copiar, prefiro exercitar minha criatividade. Mesmo nas raras vezes que copio alguma coisa de alguém, não deixo de citar e agradecer a fonte, pois, no caso das cópias os créditos não são meus. Particularmente não sou adepto de cópias. Qualquer bom DBA sabe que a "redundância" na maioria das vezes é indesejável.
  • Frequência: Existem blogs que publicam artigos uma vez por mês com artigos excelentes. Existem blogs que publicam artigos diários, mas sem muito critério. Não acho que publicar um artigo uma vez por mês torne um blog muito popular, mas postar diariamente normalmente diminui a qualidade dos artigos. Optei por uma frequência meio termo e tento publicar algo semanalmente (variando desde uma dica rápida até longos tutoriais).
  • Não trivialidade: Há muitos assuntos úteis relacionados a SQL Server, mas que certamente muitos irão falar a respeito. Todos sabem que o SQL Server 2008 R2 está repleto de novidades, que a nuvem é uma das grandes apostas da Microsoft, que o TechED 2010 está se aproximando. Certamente são notícias interessantes, mas que não dão nenhum caráter de exclusividade já que provavelmente os próprios Feeds da Microsoft trarão essas informações. Como busco algo um pouco "diferente", optei por não publicar posts desse tipo. Uma vez, enquanto estava no MVP Summit de 2009, ouvi de um funcionário da Microsoft (brasileiro) que o que ele mais gostava no meu blog era que ele não era nada trivial, ou seja, eu costumava escrever sobre coisas que quase ninguém escrevia. Isso sem dúvida me deixou bem feliz e gosto de manter essa característica. Não há nada no meu blog que seja desconhecido. Há vários artigos que outros inclusive conseguiriam escrever melhor, mas poucos teriam interesse em discorrer.
  • Feedback: Muitas vezes lemos algo de que gostamos, mas raras às vezes registramos nossa opinião. Pode parecer simples, mas muitas vezes eu mesmo já li textos ótimos e não tive a "coragem" de postar um único comentário sequer. Reconhecendo esse hábito, não deixo de responder os comentários que aparecem no blog. Claro que muitas vezes não dá tempo de responder no dia, mas tento sempre que possível responder aqueles que deixaram algum elogio ou crítica (ninguém é obrigado a concordar com tudo).

Após dois anos, faço um balanço geral muito positivo dessa iniciativa. Há muitos elogios que gostaria de publicar e muitas pessoas que gostaria de agradecer, mas vou resumir em uma mensagem que recebi já algum tempo:

Gustavo,
Estou passando apenas para dizer que o seu blog é otimo!!! Também quero agradecer as ajudas no forum de SQL.
Cara, sou seu fã!!!
Abraços!!

Infelizmente o Live retirou as estatísticas e não tenho mais como acompanhar os artigos mais lidos ou a quantidade de visitas diárias, mas tenho um último PRINT antes das estatísticas serem retiradas:

Se eu for considerar que o blog começou em 13/07/2010 e as estatísticas são de 28/05/2010 passaram-se 684 dias. Com um total de visitas de 85576 dá uma média de 125 visitas por dia o que equivale a pouco mais de 5 visitas por hora. Quando bati o que chamei de recorde número 1 em 02/09/2009 eu possuía 33807 visitas. A diferença de visitas até hoje foi de 51969 visitas e dá uma média de 165 visitas diárias (quase 7 por hora). Percebo que as estratégias estão dando certo e que o caminho está correto pelo aumento do número de visitas. É uma pena que o Live tenha retirado as estatísticas (isso é um grande motivo para pensar em mudar de endereço), mas continuarei tentando fazer o melhor possível.

Agradeço desde já todos os feedbacks, colaborações, comentários, opiniões, etc dados por todos. Sem dúvida foram bastante valiosos.

[ ]s,

Gustavo

13 Respostas para “Dois anos de blog, vários artigos, muitas visitas e valiosos feedbacks

  1. Parabéns Gustavo.Acredito que as estratégias utilizadas são realmente influenciadoras, seu blog é um exemplo para os interessados pela plataforma. Serve de inspiração para min e acredito que sirva também para muitos profissionais da area.Continue mantendo esse padrão de qualidade que é sucesso sempre.Abraços!

  2. Parabéns Gustavo, eu costumo citar seu blog como referencia em aprendizado, conduta e técnica, aprendi muito acesso seu blog espero que continue agregando conhecimento a comunidade.AbraçoRicardo

  3. Parabéns Gustavo! tudo bom !

  4. Oi Felipe,Fico feliz com o retorno. Estou sempre em busca do aperfeiçoamento. Espero continuar contribuindo com vários artigos de qualidade.[ ]s,

  5. Oi Ricardo,Obrigado pelo feedback. Vou continuar fazendo melhor possível.[ ]s,

  6. Oi Roberto,Obrigado. Valeu…[ ]s,

  7. Parabéns Gustavo! Tenho aprendido muito com seu Blog, que vem me ajudando bastante, ele é muito bem detalhado e gosto muito da sua didática de ensino.Aproveito a oportunidade para agredecer pelo empenho em contribuir a todos da comunidade e para quem ainda está iniciando seu caminhonessa estrada!vlw!Abraços

  8. Fabiano Neves

    Parabéns Brother, você merece. Aprendo demais, e confeso que não vejo em lugar nenhum explicações tão completas como as suas.Incrível o que você é capaz de escrever sobre coisas que parecem ser simples, mas depois que lemos o que você escreveu percebemos que a coisa é bem mais embaixo :-)…Grande Abraço

  9. Gustavão,Estou devendo um comentário aqui ja faz um tempão. Parabéns pelo sucesso. Me considero um felizardo por trabalhar com você.Abraço!!!

  10. Oi Alexandre,Que bom que o blog tem servido de referência. Espero poder continuar ajudando até onde puder no seu aprendizado e nessa longa estrada pela frente. Espero também que a gente se encontre em mais um curso por aí.Abs,

  11. Oi Fabiano,Assim como você, sinto grande prazer em compartilhar os conhecimentos de SQL Server com a comunidade. É muito gratificante quando os reconhecimentos aparecem sobretudo de pessoas tão capacitadas como você. Espero que a gente consiga tocar aquele projetinho ainda.Abs,

  12. Oi Josias,Que bom que você apareceu por aqui meu amigo. Obrigado pelas gratificações.É muito bom jogar no time em que estamos. Espero que ainda façamos muitas coisas grandes ali no nosso ambiente.Abs,

  13. Gustavo….Parabéns por essa conquista!!!Sei o quanto é difícil agradar a todos… nada no Mundo consegue o consenso geral, mas de todos os blogs que já vi o seu continua sendo o melhor. Continue esse trabalho maravilhoso… Valeu!!!Renata

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s